SEGUE A PREOCUPAÇÃO…

O jogo deste final de semana manteve minhas preocupações com relação ao desempenho do nosso Grêmio na temporada. Sei que o time do Fluminense é melhor do que os resultados que ele está obtendo, mas nosso primeiro tempo foi péssimo e o segundo razoável.
Fico preocupado com a incapacidade de nosso time “se arrumar” com a bola rolando. No início do jogo, o Adriano estava perdido sem saber quem marcar, ora ia atrás do Deco, ora do Wagner e por vezes do Sobis e acabava sem marcar ninguém. Enfrentando essa situação, o Grêmio não conseguiu se organizar a ponto dos outros meias ou dos laterais auxiliarem na marcação e, com isso, o Fluminense dominava o meio campo. Sendo um meio campo extremamente experiente, acredito que esses jogadores deveriam conseguir “ler” melhor a partida e responderem com mais eficácia ao que o jogo esteja demandando.
Marcamos cedo o nosso gol no segundo tempo o que fez com que a proposta de marcar o adversário com 10 jogadores atrás da linha da bola funcionasse bem. Com o Fluminense obrigado a atacar e nos dando o contra-ataque se fortalece outra de minhas grandes preocupações: A LENTIDÃO DO NOSSO TIME. Com a ausência de Vargas, não temos nenhum jogador veloz. Soma-se a isso, a lentidão da transição da defesa para o ataque, no toque de bola, temos um time pouco incisivo e definitivo para liquidar as partidas quando as oportunidades se apresentam.
Espero que o Renato consiga ajustar o meio campo o mais rápido possível e torço para que vençamos nossa primeira fora de casa já contra o Corinthians.
De positivo:
- A bela festa para nossos Campeões da América de 1983, pois valorizar sua história é o primeiro passo para conquistas no futuro;
- A estréia com estrela do Riveros. De atuação média, mas marcando um gol.
- A atuação de Alex Teles, que se não é ainda um grande lateral começa a se consolidar no apoio ao acertar os cruzamentos.
- O gol do Kleber.

Guilherme Schulze

1 comentário para “SEGUE A PREOCUPAÇÃO…”

  1. Paulo Ferrer disse:

    Viste bem o jogo Guilherme, principalmente no que se refere a postura defensiva e saída para o ataque. Já temos garra, dedicação, sorte, agora precisamos criar conjunto, jogadas, alternativas. Vamos em frente.

Comente