CONSISTENTE

Uso esta palavra após refletir como estou vendo o time do Grêmio, atualmente. Duro, sim. Com pouca criatividade e defeitos nas definições a gol. Mas sólido, encorpado, seguro de si e de suas capacidades. Bem montado.

Temos que atribuir ao treinador esta conquista que nos dá, porque não, inclusive a esperança de conquistarmos a Copa do Brasil. Caminho construído com dificuldades e percalços. Lesões e experiências frustrantes. Decisões e reconsiderações. Visível bom trabalho e discurso coerente.

Não quero ser ufanista e muito menos pregar que estamos prontos para seguir o caminho das glórias. Muito ainda deve ser feito e o resultado, com títulos, irá depender de mais competência e também uma parcela de sorte, que faz tempo nos tem faltado.

Porém, não podemos negar, com toda a nossa limitação técnica, estamos chegando para enfrentar fases finais de um torneio de forma mais “inteira”, conscientes do que queremos e como seremos capazes.

Que venha o Palmeiras! Não é melhor do que nós!

Com a torcida acreditando e “pegando junto”, sou mais o nosso tricolor!

Talvez o adversário inclusive ajude na construção desta sinergia entre time e torcida. Nos acostumamos a enfrentá-los, em tempos maravilhosos, de Olímpico ensandecido. Esta lembrança ajuda, e muito.

Teremos a volta de jogadores, beneficiados por esta “parada”, que também precisa ser produtiva e atenta, para não perdermos o embalo.

Vamos tricolor, queremos esta Copa! E ela pode ser nossa!

É a minha opinião.

Juliano Ferrer

Comente